segunda-feira, 21 de maio de 2018

Ranking traz as empresas de alimentos e bebidas mais valorizados pelos brasileiros

Ambev fica em primeiro lugar e Duas Rodas é considerada a mais disruptiva segundo o ranking setorial "MVP – Mais Valor Produzido", da consultoria DOM Strategy Partners


Ambev, Coca-Cola, Nestlé, BRF (Sadia) e Heineken são atualmente as empresas de alimentos e bebidas que mais geram e entregam valores que vão além das cifras aos seus stakeholders, grupo formado por consumidores, acionistas, funcionários e fornecedores.

Itens como eficácia da estratégia corporativa, crescimento, valor de marca, relacionamento com clientes, governança, sustentabilidade, gestão de talentos, inovação, uso de tecnologias digitais, entre outros mais de 60 critérios, foram avaliados pela consultoria DOM Strategy Partners para compor a pesquisa "MVP (Mais Valor Produzido) – Alimentos e Bebidas".

O ponto de partida para o levantamento foi a análise das 1000 maiores empresas, segundo anuários publicados, bem como pesquisas, relatórios setoriais e matérias jornalísticas que são produzidos pelas principais associações, editoras, institutos de pesquisa e organizações do mercado de alimentício e de bebidas.

Após interações de 10 meses com os stakeholders o resultado foi que a Ambev é a empresa melhor avaliada pelos seus agentes internos e externos com nota 8,56, enquanto a operação brasileira da The Coca-Cola Company ficou em segundo lugar com 8,53. Já a Nestle obteve pontuação de 8,29. A BRF (Sadia) conquistou 8,21 e a Heineken 8,18 pontos.

"Avaliamos o modelo de negócio destas empresas como um todo. Não olhamos só para a marca e o seu poder de capilaridade na vida do consumidor. Analisamos como as estratégias destas companhias se convergiram com a expectativa de cada um dos seus stakeholders, indo de tendências de digitalização, passando por conceitos de sustentabilidade até mensurar como é suas relações com o cliente final hoje em dia", explica Daniel Domeneghetti, coordenador do ranking "Mais Valor Produzido" e CEO da DOM Strategy Partners.

Como novidade do tradicional estudo, a DOM também passou a avaliar as empresas mais disruptivas dos segmentos de alimentos e de bebidas e, neste primeiro ano, quem leva a classificação é a companhia de foodservices Duas Rodas. O principal motivador para a organização estar na liderança entre as mais inovadoras foi a linha de negócio da companhia, baseada em uma nova forma de vender e de ser performar dentro do seu segmento de atuação.
read more...

sexta-feira, 18 de maio de 2018

Eisenbahn compartilha suas torneiras com as premiadas Landel e Ogre Beer no Mondial de La Bière

Cervejarias convidadas levarão os estilos Belgian IPA e Session IPA para o festival em São Paulo


 Pela primeira vez, a Eisenbahn convida duas cervejarias e cede algumas de suas torneiras para elas em um festival cervejeiro. As escolhidas são a campineira Landel e a curitibana Ogre Beer que levarão, respectivamente, as suas Session IPA e Belgian IPA para o Mondial de La Bière, que acontece em São Paulo entre os dias 17 a 20 de maio.

A Ogre Beer, fundada em 2012, pelos sócios Carlos Manuel, Ricardo Seara e Sandro Singer, têm uma história que se conecta com Eisenbahn — Sandro foi ganhador do Mestre Cervejeiro 2010 — e estará presente no maior festival cervejeiro do país pela primeira vez com a sua Django Cigano, uma Belgian IPA que foi ouro no Concurso Brasileiro de Cervejas e na Copa Cervejas de América no Chile, além de levar uma Prata no Brussels Beer Challenge na Bélgica. Já a Landel, dos sócios Marcelo Crósta, Samuel Faria e Bruno Cardoso, que se conheceram em cursos técnicos e eventos cervejeiros, é veterana e marcará presença pelo segundo ano no festival. A marca, que tem cinco rótulos próprios e foco na produção de chope na região de Campinas, foi fundada em 2013 e é uma cervejaria cigana — prática em que cervejeiros contratam os tanques ociosos de uma outra cervejaria para produzir e comercializar seus rótulos no mercado.

Eisenbahn estará presente no festival que acontece pela segunda vez em São Paulo, e entre as quatro torneiras do seu estande, duas serão exclusivamente destinadas às criações da Ogre Beer e da Landel. “Eisenbahn, desde a sua fundação, tem o propósito de fomentar o mercado cervejeiro e promover ações que vão ao encontro desse objetivo, como o Concurso Mestre Cervejeiro, que já está em seu nono ano revelando talentos cervejeiros. Esse convite às cervejarias Landel e Ogre Beer é mais uma ação nesse sentido, porque une e fortalece a comunidade cervejeira”, conta Karina Pugliesi, gerente da marca Eisenbahn.

“Apostamos nessa parceria com essas duas cervejarias porque compartilhamos de seus valores e admiramos suas trajetórias. Queremos que esse seja o primeiro convite e projeto de muitos, tanto com Ogre e Landel, quanto com outras incríveis cervejarias pelo Brasil afora. ”, finaliza Karina.

A anfitriã Eisenabahn estará presente com os estilos Pale Ale, Weizenbier e Dunkel, além da sua tradicional Pilsen. A reunião das três cervejarias acontecerá durante todos os dias do Mondial de La Biere, na São Paulo Expo.

Serviço

Estilos e preços das cervejas oferecidas:
Eisenbahn Pilsen em garrafa R$10,00
Eisenbahn Estilos em garrafa R$9,00
Eisenbahn Lust em garrafa R$110,00
Eisenbahn Pilsen em copo (100ml) R$5,00
Eisenbahn Pilsen em copo (200ml) R$7,00
Eisenbahn Estilos em copo (100ml)R$6,00
Eisenbahn Estilos em copo (200ml)R$8,00
Ogre Beer Malt Liquor em garrafa (300ml)R$21,00
Ogre Beer Belgian IPA/ Rauchbier/ Chili Witbier em garrafa (600ml) R$25,00
Ogre Beer Belgian IPA em copo (100ml)R$6,00
Ogre Beer Belgian IPA em copo (200ml)R$8,00
Landel Cafetina Brown Porter em lata (473 ml) R$23,00
Landel Session IPA em copo (100 ml)R$6,00
Landel Session IPA em lata (200 ml)R$8,00

Sobre a Landel


Nascida em 2013 no antigo espaço da Cervejaria Universitário em Barão Geraldo, foi considerada entre as melhores comercializadas no Brasil segundo lista publicada pela Forbes e de acordo com a Revista Prazeres da Mesa. Busca o respeito à história dos estilos, com inovação tecnológica, inventividade e atitude na criação de um sabor local. São cervejas leves, mas com personalidade, para o clima e povo brasileiros.  Uma das cervejas de maior destaque da marca é a Session IPA.

Sobre o Grupo HEINEKEN no Brasil


O Grupo HEINEKEN chegou ao Brasil em maio de 2010, após a aquisição da divisão de cerveja do Grupo FEMSA e, em 2017, adquiriu a Brasil Kirin Holding S.A ("Brasil Kirin"), tornando-se o segundo player no mercado brasileiro de cervejas. O Grupo gera mais de 13 mil empregos e tem 15 fábricas localizadas em Alagoinhas (BA), Alexânia (GO), Araraquara (SP), Benevides (PA), Blumenau (SC), Campos de Jordão (SP), Caxias (MA), Igarassu (PE), Igrejinha (RS), Itu (SP), Jacareí (SP), Manaus (AM), Pacatuba (CE), Ponta Grossa (PR) e Recife (PE). No Brasil, o portfólio de cervejas do Grupo HEINEKEN é composto por Heineken, Sol, Kaiser, Bavaria, Bavaria 0,0%, Xingu, Amstel, Kirin Ichiban, Schin, Schin 0,0%, No Grau, Devassa, Baden Baden, Eisenbahn e Glacial. O portfólio de não alcoólicos inclui refrigerantes, sucos, energético e água como Água Schin, Itubaína, K Energy Drink, Schin Tônica, Skinka e Viva Schin. Com sede em São Paulo, a companhia é uma subsidiária da HEINEKEN NV, a maior cervejaria da Europa, a segunda em termos de rentabilidade e a terceira em volume. A HEINEKEN opera 170 cervejarias em mais de 70 países.

Informações atualizadas estão disponíveis na homepage da HEINEKEN Brasil:www.heinekenbrasil.com.br

read more...

quarta-feira, 16 de maio de 2018

Cervejarias apresentam lançamentos exclusivos no Mondial de la Bière São Paulo


As 82 cervejarias confirmadas levarão novidades e rótulos premium para o evento, que acontece de 17 a 20 de maio no São Paulo Expo

IPAs, lagers, stouts, imperial stouts, pilsens, blond ales, red ales, witbiers, barley wines…  Uma profusão de estilos de cervejas artesanais vai invadir o espaço do São Paulo Expo na próxima semana, com a chegada do festejado Mondial de la Bière à cidade. Nesta primeira edição paulistana, produtoras nacionais e internacionais se reúnem para apresentar ao público suas melhores cervejas e alguns rótulos elaborados com exclusividade para o evento.

Entre as novidades estão a Império Stout da Cervejaria Primata, que ganha uma edição especial para São Paulo com 10,5% de álcool e armazenamento em barril de Jack Daniel’s, Ignorância da Krug – uma double American IPA que leva seis lúpulos diferentes na receita e é o oitavo rótulo da “linha expressionista” da cervejaria – e a Sour de pitanga e tangerina da Leuven, uma cerveja leve e refrescante, com 4% de álcool.

Blondine marca presença com a Pizo Czech, cerveja no estilo bohemian pilsener – uma lager dourada, com sabor acentuado de malte para equilibrar o amargor do lúpulo – e a Caravan aposta na Ultra Violeta, uma sour ale com mirtilo, framboesa, amora, uva, açaí e beterraba. Temática, a Viaduto do Chá, uma hop lager com 5% de álcool que leva erva mate na receita, é a homenagem da Paulistânia a São Paulo.

Nos quatro dias de evento, os visitantes poderão degustar rótulos de 8 países diferentes – Brasil, Bélgica, Alemanha, República Tcheca, Estados Unidos, Holanda, Irlanda e Escócia.


Sobre o Mondial de la Bière São Paulo


De 17 a 20 de maio, 82 cervejarias – 58 delas paulistas – vão ocupar 7.000 m² de área do São Paulo Expo, levando ao público mais de 600 rótulos, entre lançamentos e exclusividades. O evento, que um dos maiores festivais de cervejas artesanais do mundo, acontece desde 2013 no Rio de Janeiro e está chegando pela primeira vez à capital paulistana.

Entre as atrações que o público vai encontrar estão 12 pontos de alimentação – foodtrucks e membros da Sociedade Paulista da Cultura de Boteco –, palco com shows de 15 bandas independentes e quatro DJs e o Mbeer Contest Brazil - concurso de degustação profissional de cerveja oficial do Mondial de la Bière. O festival deve receber em torno de 20 mil visitantes e os alimentos doados serão distribuídos para 6 instituições da cidade: Tucca, Banco de Alimentos, Associação Prato Cheio, Anjos da Noite e Grupo SPA. Na edição de 2017, sediada no Rio de Janeiro, foram doadas 42 toneladas de alimentos.

Premiação dos melhores rótulos – O MBeer Contest Brazil é um concurso de degustação profissional de cerveja inovador, em que a avaliação é baseada nas qualidades intrínsecas da cerveja. Os juízes fazem as degustações às cegas, sem qualquer informação sobre o produto, identificando o estilo da cerveja através de uma análise sensorial (um dos princípios do MBeer Contest Brazil é eliminar as referências a um determinado estilo enquanto critério de avaliação).

Para analisar as competidoras e premiar os melhores rótulos, esta edição do concurso conta com um júri de peso. O peruano Diego Rodriguez, proprietário da Cervecería Barbarian, o mestre cervejeiro Pedro de Lucca, da Cervejaria Ethos, e o jornalista americano Tony Forder, do Ale Street News, formam o time de especialistas internacionais. Completam o júri os brasileiros Gabriel Di Martino, mestre cervejeiro da Arbor Brasil, Rafael Moschetta, da Weird Barrel Brewing Co., e Bia Amorim, sommelière da Cervejaria Pratinha. Na última edição, foram premiados 14 rótulos de cerveja, entre os 384 inscritos.

SERVIÇO
Mondial de la Bière São Paulo
Data: 17 a 20 de maio 2018
Local: São Paulo Expo – Pavilhão 8 + área externa (Rodovia dos Imigrantes, km 1,5 – Vila Água Funda – São Paulo/SP)
Horário: Quinta (17) e sexta (18) das 17h à 1h; sábado (19) das 14h à 1h e domingo (20) das 14h às 20h.
Ingressos: Entrada Cervejeiro Solidário – R$ 66,00 + 1 kg de alimento; Meia entrada por lei – R$ 60,00
Passaportes (pacote de ingressos para os 4 dias): Entrada Cervejeiro Solidário – R$ 200,00 + 4kg de alimento (entregar 1 kg por dia); Meia entrada legal – R$ 180,00
read more...

sexta-feira, 11 de maio de 2018

Maquina de cerveja operada por blockchain descobre se o usuário é menor de idade

“Nós definitivamente não estamos no negócio de venda de cerveja”. Foi o que esclareceu o gerente de marketing da startup Civic, Titus Capilean, ao apresentar a primeira máquina de cervejas que reconhece a idade do consumidor. Como isso é possível? Com a tecnologia blockchain, claro.

Fundada pelo empresário e estrela do Shark Tank da África do Sul, Vinny Lingham, a Civic apresentará o protótipo da primeira máquina de cerveja criptografada do mundo no evento que acontecerá na próxima semana em Nova York, o Consensus 2018.

Sem truques, a Civic vê o protótipo baseado em blockchain– construído em parceria com a empresa bebidas Anheuser-Busch – como uma maneira de combater os esquemas de fraude de identidade.

Continuar lendo em Criptoeconomia...
read more...

quinta-feira, 10 de maio de 2018

Abertas as inscrições para a 9º edição de Mestre Cervejeiro Eisenbahn


Cervejeiros de todo o Brasil poderão se inscrever para a segunda temporada do Reality Show



Estão abertas as inscrições para a 9ª edição do Mestre Cervejeiro Eisenbahn. Pela segunda vez a competição será televisionada e transmitida no formato de um reality show.  Com formato criado e produzido pela Endemol Shine Brasil, neste ano, o estilo de cerveja escolhido pela marca e que será o comercializado após o final do programa será uma Berliner Weisse, uma cerveja de trigo alemão, cor clara, refrescante e com baixo teor alcoólico. O líquido também apresenta acidez láctica e nível de carbonatação elevado.  As inscrições começam hoje e vão até o dia 28 de maio. Para se inscrever e ter acesso a mais informações, os interessados devem acessar o site: www.mestrecervejeiro2018.com.br

Ao todo, serão selecionados 10 participantes que concorrerão ao título de Mestre Cervejeiro Eisenbahn. Assim como no último ano, as cervejas serão avaliadas por meio de critérios técnicos, sendo que as amostras passarão pelo Beer Analyser e em um segundo momento pela avaliação de um júri técnico especializado que ficará encarregado da análise sensorial das cervejas.

“Fazer com que uma competição como esta seja, mais uma vez, televisionada é ter a certeza de que as pessoas interessadas pelo mundo cervejeiro terão a oportunidade de aprender e descobrir um pouco mais sobre um amplo mundo de aromas e sabores, além de se divertir e se emocionar com a competição. O Mestre Cervejeiro Eisenbahn é um retrato da cena cervejeira amadora atual do Brasil e temos como objetivo fomentar que um número maior de pessoas passe a produzir cervejas em casa”, reforça Alexandre Du Roche Candido, diretor de cervejas especiais da HEINEKEN Brasil.

O resultado do processo de seleção dos candidatos será divulgado em junho, enquanto o programa deverá estrear no mês de agosto. Além do título de Mestre Cervejeiro Eisenbahn, o vencedor da competição terá a sua cerveja lançada em uma edição exclusiva da marca Eisenbahn, além de seu nome estampado no rótulo. O cervejeiro vencedor também ganhará uma viagem à Alemanha.

Sobre o Grupo HEINEKEN no Brasil


O Grupo HEINEKEN chegou ao Brasil em maio de 2010, após a aquisição da divisão de cerveja do Grupo FEMSA e, em 2017, adquiriu a Brasil Kirin Holding S.A ("Brasil Kirin"), tornando-se o segundo player no mercado brasileiro de cervejas. O Grupo gera mais de 13 mil empregos e tem 15 fábricas localizadas em Alagoinhas (BA), Alexânia (GO), Araraquara (SP), Benevides (PA), Blumenau (SC), Campos de Jordão (SP), Caxias (MA), Igarassu (PE), Igrejinha (RS), Itu (SP), Jacareí (SP), Manaus (AM), Pacatuba (CE), Ponta Grossa (PR) e Recife (PE). No Brasil, o portfólio de cervejas do Grupo HEINEKEN é composto por 17 marcas nacionais. Além disso, o Grupo importa Dos Equis, do México, Birra Moretti, da Itália e Edelweiss, da Ástria. Com sede em São Paulo, a companhia é uma subsidiária da HEINEKEN NV, a maior cervejaria da Europa, a segunda em termos de rentabilidade e a terceira em volume. A HEINEKEN opera 170 cervejarias em mais de 70 países.
read more...

domingo, 6 de maio de 2018

Curitiba ganha pós-graduação em Tecnologia Cervejeira e Sommelieria

Curitiba virou referência nacional quando o assunto é cerveja artesanal. São dezenas de micro e pequenas cervejarias, produzindo e oferecendo alguns dos mais premiados rótulos do país. Aproveitando esse DNA cervejeiro, foi lançado nesta semana dois cursos de pós graduação para formação em Sommelieria e Tecnologia Cervejeira

A parceria do Centro Universitário Sociesc (Unisociesc) com a Escola Superior de Cerveja e Malte, instituição especializada que tem sede em Blumenau, Santa Catarina, terra da tradicional Oktoberfest brasileira, terá aulas presenciais e à distância, quinzenais, com início previsto para o dia 22 de junho.  

Leia mais em Tribuna do Paraná...
read more...

sexta-feira, 4 de maio de 2018

Sexta é dia de cerveja: Brasil conquista 5 medalhas na World Beer Cup

Até esta quinta-feira, o Brasil tinha para ostentar apenas uma medalha de ouro em duas décadas de participação no principal concurso cervejeiro do mundo. Na edição passada da World Beer Cup (2016), por exemplo, nenhuma das 169 cervejas inscritas havia tido êxito.

A história mudou neste 3 de maio de 2018, na cerimônia de premiação em Nashville, cidade no Tennessee (EUA), onde o esforço de cervejarias brasileiras foi recompensado com cinco medalhas, quase a mesma quantidade que havia acumulado em participações desde 1996.

Desta vez, na mesma noite, foram dois ouros (para a Tupiniquim Pecan Imperial Stout e a Wäls Brut ), uma prata (Lohn Bier Carvoeira) e dois bronzes (Leuven Irish Red Ale e a revelação ZOZ #3 Golden).

Leia mais em CBN Curitiba...
read more...
 
Copyright © 2014 Cervejeira Nerd • All Rights Reserved.
Distributed By Free Blogger Templates | Template Design by BTDesigner • Powered by Blogger
back to top